Suposto pirata é morto por comparsa no Lago do Jacaré em Manacapuru

Suspeito que foi executado a tiros era velho conhecido da Polícia pela pratica roubos e ataques a embarcações da região da Vila do Jacaré.


#nahora

Por Érisson Araújo


Uma denúncia anônima para a Delegacia de Manacapuru informou que um homem teria siso assassinado a tiros em uma residência no Lago do Jacaré, uma equipe de investigadores da Polícia Civil se dirigiu até o local indicado, e ao chegar na residência encontrou o cadáver de Ronivon Rodrigues Oliveira (40).


“Nós seguimos em diligência para apurar essa denúncia e no local encontramos esse corpo apresentando várias perfurações à bala. O que nós conseguimos apurar é que este homem chegou armado no local em uma lancha e na companhia de um outro homem, sabemos também que trata-se de Roni, como é conhecido, que atuava como pirata naquela região do Jacaré, possivelmente esse comparsa dele, deve ter armado para matar ele”. Disse o Delegado Rodrigo Torres, titular da Delegacia de Manacapuru.

Publicidade


Ainda segundo Torres, Roivon já tem passagens pela Polícia Civil por diversos crimes dentre eles o de roubo a comércios e embarcações.


“A cerca de um mês recebemos denúncias que o bando comandado por ele estava praticando roubos à comerciantes da Vila do Jacaré, inclusive dois de seus comparsas foram presos e nós havíamos pedimos da justiça, mandado de prisão contra ele, porque ele era uma pessoa perigosa e não só roubava como ameaça as vítimas”. Relatou Torres.

O corpo de Ronivon foi conduzido para o necrotério do Hospital de Manacapuru de onde seguiu para o Instituto Médico Legal (IML), para exame de necropsia que deve apontar as causas da morte.


“Nossa equipe continuará investigando esse caso para identificar quem é o autor desse crime e qual a sua motivação”. Finalizou Torres.



0 comentário