top of page

Samuel Alves foi executado com pelo menos 8 tiros em Novo Airão, ele tinha passagem por assalto

As investigações da Polícia Civil, apontam para um possível acerto de contas, já que há suspeitas de que a vítima, tinha envolvimento com o tráfico em Novo Airão.



Homem, identificado como Samuel Alves Barroso (25), foi executado após ser alvejado com pelo meno oito disparos de arma de fogo, os tiros acertaram a região da cabeça e as costas da vítima, que estava na casa onde morava, na rua Pudiari, Bairro Murici, quando o crime aconteceu.



De acordo com as primeiras apurações da Polícia Civil, dois homens invadiram o local, e sem contar muita conversa já atiraram contra a vítima, que sem chances de defesa morreu no local.


Após cometer o crime, de acordo com a única testemunha do crime, que é irmão da vítima, após atirarem contra Samuel, os dois homens fugiram a pé. A Polícia Militar foi acionada, e a equipe do 6º GPM foi até ao local, fez o trabalho de isolamento da área e resguardo da cena do crime, até a chegada da Polícia Civil.


As investigações seguem para tentar identificar os autores do homicídio, e se havia uma terceira pessoa dando suporte de fuga para os suspeitos.


Segundo a Polícia, existem a possibilidade do crime ter relação com o tráfico de drogas, já que informações apuradas pela Delegacia de Novo Airão, apontam para um possível envolvimento da vítima com o crime. Ainda de acordo com a Polícia Civil, Samuel até pouco tempo estava encarcerado em presídio de Manaus após ser preso no Bairro da Compensa em Manaus, praticando assaltos naquela área da Capital.


IMAGENS FORTES





0 comentário

Comments


bottom of page