Punições ficarão mais rígidas a quem descumprir as determinações dos Decretos

Motos serão apreendidas, pessoas detidas e materiais apreendidos haja visto o alto índice de pessoas que ainda estão desrespeitando a decisão de isolamento social.


#nahora



Uma semana de convencimento da necessidade do cumprimento dos decretos Estadual e Municipal visando a diminuição de circulação de pessoas nas ruas e aglomerações. Fechamento dos serviços não essenciais, toque de recolher dentre outras ações determinadas pelas autoridades, nada disso resolveu, simplesmente porque muitas pessoas insistem em descumprir as determinações.


Esta semana que se inicia, as autoridades prometem engrossar o tom, para que as medidas sejam cumpridas, para isso, as equipes continuarão nas ruas, mas dessa vez, ao invés da conversa cordial, a ordem será apreender equipamentos, suprimentos, produtos e até deter as pessoas insistem pelo descumprimento do decreto.


Na manhã desta segunda-feira (18), um vendedor ambulante teve seus produtos apreendidos pela equipe de fiscalização da Vigilância Sanitária, porque mesmo com o decreto em vigência ele insistiu em continuar a prática da venda.


Os bares, lojas e estabelecimentos comerciais que forem flagrados descumprindo o decreto, o proprietário será detido e levado para a Delegacia de Manacapuru, onde responderá pelo crime de desobediência, além, de ter o alvará de funcionamento suspenso pelo prazo máximo de 90 dias.


Mototaxistas, entregadores, e outros pessoas que desrespeites o toque de recolher que está em vigor das 19h às 06 da manhã, também poderão ser penalizados conforme a lei, além de terem seus veículos apreendidos. Policiais Militares e agentes de fiscalização dos órgãos municipais estarão nas ruas a ponto de se fazer cumprir o decreto


Leia mais...

PM e órgãos de fiscalização acabam com farra de banhistas no Miriti
Governo do Amazonas decreta Toque de Recolher por 10 dias em todos os municípios do Estado
O que estava frouxo, apertou! Decreto fecha comercio não essencial em Manacapuru por 15 dias


0 comentário