Princesa se despede da primeira fase do Barezão com a pior campanha de sua história

Cinco derrotas e apenas dois empates, time agora mira em outros objetivos para não cair para a segunda divisão da competição.


#nahora

Por Érisson Araújo


O Princesa do Solimões enfrentou o São Raimundo na tarde deste domingo (23), no Estádio Gilberto Mestrinho em Manacapuru, em um jogo onde os objetivos eram distintos, enquanto o São Raimundo precisava da vitória para entrar no G4 e ir à semifinal do primeiro turno, o Princesa buscava se reabilitar no campeonato depois de tantas idas e vindas e problemas extracampo.


Mas na partida as duas equipes mostraram pouco futebol, tanto que o primeiro chute à gol saiu aos 20 minutos quando o atacante Jonatas Bruno do Tufão arriscou de longe mas a bola passou longe do gol. A resposta do Princesa veio em seguida com Toró que recebeu de Jonas mas não conseguiu sucesso na finalização.


No segundo tempo, tudo indicava que as equipes não sairiam do zero, mas aos 15 minutos, Miliano de falta abriu o placar para o Princesa.





Aos 35 minutos, um lance deixou os torcedores assustados, Dedezinho foi disputar uma bola no alto e se chocou de cabeça com o atacante Stronda do Tufão e ficou desacordado a ambulância entrou em campo para fazer o atendimento do jogador que foi levado para o Hospital de Manacapuru, motivo que deixou o jogo paralisado por 15 minutos até o retorno da ambulância para o Gilbertão.


Após o recomeço da partida, Binho avança pela esquerda e é derrubado na área, pênalti que ele mesmo cobra e fez o segundo do Princesa do Solimões. Fim de jogo, e a derrota em Manacapuru deixou o Tufão fora da semifinal do Barezão.


Já o Princesa do Solimões, apesar da vitória, se despede da primeira fase do Campeonato Amazonense nas ultimas colocações, foram cinco derrotas e apenas duas vitórias, o que lhe rendeu a pior campanha em um turno do time de Manacapuru em toda sua história.

0 comentário