top of page

Polícia Militar e Polícia Federal apreendem duas toneladas de drogas em operação no Rio Negro

A ação resultou na prisão de seis homens



A Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio da Companhia de Operações Especiais (COE), em conjunto com a Polícia Federal, apreendeu duas toneladas de entorpecentes, durante operação na noite de segunda-feira (22/01), em Novo Airão (a 115 quilômetros de Manaus). A ação resultou na prisão de seis homens.

O balanço da operação foi apresentado em coletiva de imprensa, no Comando de Policiamento Especializado (CPE), localizado no bairro Dom Pedro, zona centro-oeste da capital, e contou com a presença do comandante-geral da PMAM, Cel Vinicius Almeida; do subcomandante da PMAM, Cel Algenor Teixeira; do chefe da Delegacia Regional de Drogas (DRE), delegado da PF Lucas Montenegro, além de outros representantes da PM e PF.


Na ocasião, o comandante-geral da PMAM fez um balanço das ações conjuntas deflagradas em 2022 e destacou que os dados das polícias Militar e Federal revelam eficácia nos resultados. Os números confirmam que a produtividade superou a média de uma tonelada do ilícito retirada de circulação, por mês.


"Ano passado, em ações coordenadas, conseguimos apreender mais de 14 toneladas de drogas, e já iniciamos o primeiro mês de 2023 com duas toneladas. A meta é intensificar as ações nessa parceria com a PF para batermos o recorde do ano passado", disse o coronel Vinicius Almeida.


Conforme o chefe da DRE, na ação, as equipes realizavam fiscalização de rotina na calha do Rio Negro, por volta das 18h30, ocasião em que foram avistadas duas embarcações nas proximidades do Rio Cuieiras. Durante procedimentos de abordagem e buscas, a carga foi apreendida e seis homens foram detidos.


“Eles estavam na embarcação trabalhando nessa passagem de drogas para o município de Manaus e depois para outras regiões do país. Os entorpecentes estavam submersos embaixo do motor da embarcação”, explicou o delegado Lucas Montenegro.

0 comentário

Comments


bottom of page