Pescador de Manacapuru sai para pescar no Alto Purus e corpo é encontrado boiando no rio

Homem de 46 anos que trabalhava em barco de pesca saiu a cerca de duas semanas de Manacapuru e foi junto com outros parceiros de trabalho para o Rio Purus realizar uma pescaria.


#nahora



Um pescador, morador de Manacapuru, identificado como Alcemir de Souza Oliveira (46), morreu possivelmente vítima de afogamento, no local conhecido com Lago Baixo, no Alto Rio Purus, nas proximidades da Reserva Biológica do Abufari. De acordo com relatos dos outros companheiros de pesca, Alcemir saiu em uma canoa para verificar a malhadeira, e não retornou.



Ainda segundo relatos dos pescadores, ao notar a demora, eles iniciaram as buscas, quando encontraram o corpo de Alcemir, boiando em uma área rasa nas margens do lago. Sem ter como fazer comunicação, devido ao local não ter acesso a sinal de telefonia, os pescadores resolveram colocar o corpo em um casco de freezer com gelo e o trouxeram para Manacapuru.


O corpo do pescador, chegou por volta das 7h da noite deste domingo (08), no Porto de Manacapuru, a Polícia Civil foi acionada, e realizou a remoção do cadáver para o necrotério do Cemitério de Manacapuru, de onde seguirá para o Instituto Médico Legal, para que exames sejam feitos afim de esclarecer a causa da morte.



Apesar da versão contada pelos outros pescadores, a família de Alcemir, pede que apuração da Polícia Civil para que o caso da morte seja esclarecido.


"Ele era um homem de bem, o defeito dele era a bebida, quando bebia ficava enjoado, mas ele sem a bebida era um homem bom, uma pessoa de bem, por isso, que nós da família, queremos esclarecer a causa dessa morte, até para gente ter uma tranquilidade, então, a gente ser saber o que aconteceu realmente, porque vem um fala um coisa, vem outro fala outra, mas eu quero acreditar que ele tenha morrido mesmo de mal súbito, mas ninguém sabe, e nós vamos esperar o laudo do IML". Declarou Alcione de Sousa, irmã do pescador

O caso segue sendo apurado pela Polícia Civil de Manacapuru que vai aguardar o laudo do Instituo Médico Legal (IML), que deve apontar a causa da morte do pescador, para assim seguir com o processo de investigação.




0 comentário