Parada do Orgulho LGBTQIA+ reúne mais de 20 mil pessoas em Manaus

Evento, que teve sua 22ª edição, busca conscientizar população sobre direitos da comunidade LGBTQIA+

#nahora


“Diversidade e Orgulho” foi o tema da 22ª edição da Parada do Orgulho LGBTQIA+, que reuniu mais de 20 mil pessoas na noite do domingo (19/06), na avenida Eduardo Ribeiro, Centro de Manaus. O evento foi realizado pela Associação da Parada do Orgulho LGBT (APOLGBT) com apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).



A iniciativa busca sensibilizar a sociedade sobre os direitos LGBTQIA+ e alertar para problemas sociais enfrentados diariamente pela população LGBTQIA+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais, Queer, Intersexo, Assexual e demais grupos e variações de sexualidade e gênero), como a homofobia e a transfobia. Entre março de 2020 e março de 2021, mais de 22,3 mil crimes contra a foram registrados pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

O titular da Sejusc, Emerson Lima, destacou o trabalho feito pela secretaria para a criação de políticas públicas direcionadas a essa comunidade e também no combate ao preconceito.

“Buscando a melhor forma de apoiar essa comunidade, o Governo do Estado, em parceria com a Sejusc, por meio da gerência de Diversidade e Gênero, visa articular a criação de políticas públicas e garantir os direitos dos mesmos, tendo sempre em mente que todos somos iguais”, disse o secretário Emerson Lima.

Para o gerente de Diversidade e Gênero da Sejusc, Leopoldo Humell, o apoio vai muito além da realização de eventos.

“A pasta aprova todos os eventos que são realizados para acolher essa comunidade. Mas, também temos o cuidado de oferecer serviços de apoio psicológico e social, visando sempre acabar com qualquer tipo de preconceito e discriminação”, afirmou Leopoldo.

Atrações

O primeiro palco, próximo ao Teatro Amazonas, contou com atrações nacionais, as drags Natasha Princess e a DJ Nina Sabbah. Além delas, teve as presenças dos DJs Werison Felizardo, Rafa Militão, Thayza Rodrigues, shows de drags, desfile de personalidades e performance do Ballet Hélio Peres e do grupo de dança Gloss.

No segundo palco, marcaram presença os DJs Waldemir Rabelo, Thiago Monkayo, DLírio, Shayara Ross, Renan Benigno, Yaago Gloss e Naomy Lopes.

A presidente da APOLGBT, Bruna La Close, relatou o sentimento diante de mais um evento realizado.

“É um sentimento de vitória, principalmente, porque promover um evento com essa magnitude é trabalhoso, mas com todas as parcerias que conseguimos se tornou um grande sucesso. É maravilhoso poder observar a comunidade LGBTQIA+ lotando o espaço para se orgulhar do que é”, concluiu.

Além do Governo do Estado, a iniciativa teve o apoio da Prefeitura de Manaus, da Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (Semasc), Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) e Polícia Militar do Amazonas (PMAM).

0 comentário