Jaime Bastos, funcionário públicos conhecido em Manacapuru como Gato, não resistiu à covid-19

Amigos e familiares chegaram a fazer uma corrente para arrecadar recursos para custeio do tratamento.


#nahora


Mais uma perda significativa em Manacapuru, na tarde deste sábado (06), morreu em Manaus, Jaime Bastos (59), funcionário público da Prefeitura de Manacapuru.




Jayme, que na cidade é conhecido como “Gato”, estava internado na UTI do Hospital da Nilton Lins, após apresentar complicações da covid-19. Familiares chegaram a pedir oração e fizeram uma campanha para arrecadar recursos para custear o tratamento, porém, o mesmo veio a óbito.



Gato, atuava na Secretaria de Desporto de Manacapuru, e foi o coordenador de varias atividades esportivas na cidade. Amigos usaram as redes sociais para prestar homenagem a Jaime Bastos.


Além da paixão pelo esporte, Gato, tinha uma relação muito forte com a cultura de Manacapuru, em especial, a ciranda de roda, onde ele foi um dos primeiros cirandeiros, atuando ainda como puxador de cordão, na então, Ciranda Seffair, hoje Tradicional, na época do tablado.












0 comentário