Governo do Estado libera mais de R$ 800 mil em fomento em Manaquiri e Careiro Castanho

Do total entregue, R$ 649,6 mil são referentes a fomento para produtores rurais de Manaquiri

#nahora


O governador Wilson Lima destinou, durante agenda nos municípios do Baixo Solimões, nesta sexta-feira (10/06), mais de R$ 800 mil em fomento para empreendedores de Manaquiri e Careiro (a 60 e 88 quilômetros de Manaus, respectivamente). O destaque é para a produção rural de Manaquiri, com liberação de equipamentos agrícolas para 37 beneficiados, por meio do programa Mais Crédito Amazonas.


Ao todo, Manaquiri foi contemplado com R$ 649,6 mil em recursos somente para atividades na área rural. O crédito é uma parceria da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) e Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam).

“Nunca se investiu tanto no setor primário. Eu tenho um carinho muito grande pelo produtor rural, porque acredito muito no trabalho dele. Acredito naquele que acorda cedo, que está lá com a família plantando e colhe lá o seu produto, o cheiro-verde, a alface e traz aqui para a feira. Nós temos um povo muito trabalhador e que precisa de oportunidades”, afirmou o governador.

Além do fomento para o setor primário, a Afeam disponibilizou mais de R$ 179 mil em 12 propostas de crédito para atividades de comércio de Manaquiri. No Careiro Castanho, outros R$ 45 mil foram destinados para quatro operações de comércio.

O produtor Erivelton Pereira de Souza, morador da comunidade Cai n’Água, recebeu o fomento de R$ 4.900 para aquisição de um motor rabeta. Ele afirmou que o equipamento será de extrema importância para garantir o próprio sustento e da família.

“Vai ajudar muito porque nós moramos na zona rural e o meio de transporte para nós é o motor rabeta, para a gente se locomover para tudo, para a pesca, trazer alguma pessoa doente na cidade. É de grande utilidade e veio em uma boa hora”, disse o produtor.

Balanço - Desde 2019, por meio da Afeam, foram investidos mais de R$ 4 milhões na economia de Manaquiri, por meio de 431 operações de crédito, permitindo a manutenção de aproximadamente 1.300 ocupações econômicas. No Careiro Castanho, foram mais de R$ 5,3 milhões em 347 operações de crédito, mantendo cerca de mil ocupações.



0 comentário