Dupla fez "casinha" para comparsa e menor atirou a queima roupa na cabeça de Ítalo

Um adolescente de 16 anos e um jovem de 21 anos, são os apontados pela morte de Ítalo Souza Pereira (17), vulgo Pará.


#nahora


Poucas horas após o crime, que ocorreu na noite desta terça-feira (13), no Beco Taboca, Bairro Morada do Sol, a Polícia Civil conseguiu capturar os dois envolvidos no homicídio de Ítalo Souza Pereira, o Pará, que morreu após ser baleado na cabeça. A motivação, segundo o Delegado Rodrigo Torres, uma desavença e ameaça de morte.



"Logo após o crime, começamos as diligências e após ouvirmos algumas testemunhas, chegamos aos autores desse crime, trata-se de um menor de idade, e um maior, ambos com passagens pela Delegacia por vários atos infracionais cometidos na cidade. Ao chegarmos na residência, eles não esbouçaram reação, abriram a porta e confessaram o crime, afirmando, que o menor teria matado Ítalo porque teria sido ameaçado por ele". Ressaltou Torres


Um dos autores do crime é Bruno Gabriel Pantoja da Silva (21), o outro é o menor, de 15 anos. De acordo com a Polícia, ambos já tem passagens pela delegacia por roubo majorado, inclusive, Ítalo era comparsa de crime da dupla, também com passagens pela polícia, inclusive, ele é suspeito de ter cometido um estupro de vulnerável.


A arma utilizada no crime, também foi localizada pela Polícia Civil, ela estava escondida em uma área de mata do Bairro Morada do Sol.




Relacionadas

PC captura os suspeitos de terem assassinado adolescente na Morada do Sol


Adolescente é morto com um tiro na cabeça no Bairro Morada do Sol, em Manacapuru

0 comentário