Alunos da Rede Estadual de Manacapuru começam a receber a "Merenda em Casa"

12,8 mil kits começaram a ser entregues nesta segunda-feira, 14 escolas já areceberam os kits, e as outras 6 receberão até a próxima semana.

#nahora

Por Érisson Araújo

Na manhã desta segunda-feira (01), as escolas Estaduais de Manacapuru começaram distribuir os kits do “Merenda em Casa”. Ao todo, 12,8 mil alunos de 20 escolas estaduais serão atendidos pelo programa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto.

De acordo com Paulo Itaciomar, coordenador da Seduc em Manacapuru, os itens de alimentação escolar já chegaram para 14 escolas e a distribuição dos kits iniciou na manhã desta segunda--feira (01).

"Recebemos nessa primeira remessa 5.430 kits que beneficiarão alunos de 14 escolas e já estamos aguardando os demais carregamentos que atenderão as outras escolas. Não estamos medindo esforços para que esse reforço na alimentação para nossos alunos chegue o mais breve possível à mesa de cada um, seja aqui na sede do munícipio ou na zona Rural, onde temos cinco escolas", afirmou o coordenador.

Confira as escolas que já receberam os Kit’s
E.E. Agra Reis • E.E. Castelo Branco • CMPM IX Jamil Seffair • CETI Washington Régis • E.E. Eurico Gaspar Dutra • E.E. Gilberto Mestrinho • E.E. Januário Santana • E.E. Joaqui de Souza Coelho • E.E. José Kallil Assaf • E.E. Leopoldo Neves • E.E. Magnólia Ventura • E.E Mario Silva Dalmeida • E.E. Nossa Senhora do Rosário • E.E. Virgilia Alexandre Maddy

No total, estudantes de 20 unidades de ensino da rede estadual em Manacapuru serão atendidos pelo “Merenda em Casa”.

Confira as escolas que receberão até a próxima semana.
• E.E. André Vidal de Araújo • E.E. Carlos Pinho • E.E. José Mota • E.E. José Seffair • E.E.Nossa Senhora de Nazaré • E.E. Regina Fernandes

Alunos das cinco escolas estaduais localizadas na zona Rural do munícipio também foram beneficiados. Os kits, que já chegaram à sede da coordenadoria de educação, seguem agora viagem de barco para desembarcarem nas comunidades.

0 comentário